9 de ago de 2011

Incondicional


A impressão de, enfim, as coisas terem se encaixado,
mesmo sem conseguir achar uma musica que fale por mim
com tudo o que escreveram sobre amor parecendo futil
banal, cliche. Tudo parece pouco.
Não consigo por em palavras, nem minhas, nem de outrem
As palavras são sempre as mesmas
E isso é completamente novo, inesperado 
Um amor puro, de pele, simples, que arde, que doi...
São apenas sombras, meros enfeites
Apenas detalhes desse amor apaixonadamente incondicional
Que não tem a menor pretensão, nem escolha, de acontecer.

Um comentário:

Versos Perdidos disse...

Que a poesia sempre fale por você...