21 de nov de 2008

Faces






Eu sou
Como a voz do mudo
Como a lógica do bêbado
Como o negro da luz
Eu sou
Como a lua nova
Como a clareira na floresta
Como a cortina transparente
Sou
Como um brinquedo sem pilha
Como um dia de chuva
Meu sabiá é rouco
Meu baião não tem mais Luiz
Tenho olhos de ver
Otras faces de meu mundo
Não falo, mas
tenho ouvidos de ouvir
Sua voz a me chamar
Na minha lógica
2 + 2 é o número que eu quiser
Não tenho lua
Mas o céu cheio de estrelas
Ache, imagine, banho de chuva
E quando você me cala
Sou surdo

Tainã Alcântara

[Narah]
Meninaaa.. Sou amiga de sua irmã.. Inclusive foi ela que me mandou o link do seu blog.. ^^ Adorei suas mensagens..seu blog tá lindo..parabéns moça! =D Beijoo;*

16/06/2007 21:23

[Túlio]
Continua nesse caminho q daqui a pouco vc pode cantar que é Gita. Mesmo que dure pouco, vale a pena ;)

09/02/2007 02:13

[sirley]
Linnnnnnnnnnnndo! Beijos

27/01/2007 18:08

[Caio Tiago]
Maravilhoso o texto Tai.

20/01/2007 16:35

[Luciano Rangel de Sousa] [luciano.rs86@gmail.com]
Porque será que a cada dia que passa eu me impressiono mais contigo... *-) és um ser de 1001 dons... ou 1002, vai saber... :*** adorei!

19/01/2007 01:25

[carol] [www.carolsa.blog.com]
A foto eh perfeita, combinou direitinhu com o texto! "como a lógica do bebado'" adoreiiii isso, pense numa logica massa eh a do bebado! Nem preciso falar q adoro as suas diversas mutações ne?uha bjus lindu texto

19/01/2007 00:08

[Judah] [http://devaneiocoeso.blogspot.com/]
Muito bom, mostrando as várias faces que vivem em ti talvez, que hora nem reparamos, revelando surpresas inesperadas a olhos nus, enfim, rabiscando a própria indentidade. texto lindo! bjus.

18/01/2007 23:17


Nenhum comentário: